Notícias

FB
08/06/2018 SENAR-RS promove palestras sobre o Programa e-Social. Plataforma será obrigatória a partir de julho para todas as empresas. Contadores, advogados, administradores e produtores rurais em geral que ainda não tiveram a oportunidade de participar do Programa Cidadania Rural, do SENAR-RS, podem contar com muitas oportunidades em 2018. O número de palestras planejadas pela Divisão de Gestão da Arrecadação do SENAR-RS saltou de oito, em 2017, para 29, em 2018. O objetivo do programa é levar aos responsáveis pela contabilidade no meio rural as informações necessárias a respeito de obrigações fiscais, contribuições e benefícios.
   A primeira rodada de palestras começa nesta segunda-feira (11/06), em Porto Alegre, e será sobre o Programa e-Social, que será obrigatório para todas as empresas a partir de julho de 2018. A plataforma foi criada pelo governo para unificar as informações prestadas pelas empresas e substituir gradativamente a RAIS, DIRF, CAGED e a SEFIP, entre outras. O encontro promovido pelo SENAR-RS será uma oportunidade para que contadores e produtores rurais esclareçam dúvidas diretamente com a Receita Federal, que atua em parceria com o SENAR-RS no Programa Cidadania Rural.
   A partir da terça-feira (12/06) o ciclo de palestras começa a percorrer o interior do Estado, a partir de Bento Gonçalves. Na sequência, haverá palestras sobre o eSocial em Santa Cruz do Sul (14/06) e Santa Maria (19/06). A partir de julho, serão realizados Seminários sobre Legislação Previdenciária Rural.  O conjunto de palestras promovido pelo SENAR-RS em conjunto com auditores da Receita Federal e analistas do INSS tem por objetivo esclarecer para produtores rurais, contabilistas, advogados e demais interessados os detalhes sobre a legislação previdenciária rural e previdência social.
   Informações e inscrições no link 
http://www.senar-rs.com.br/saladeimprensa/noticias/inscrevase_no_evento_mais_proximo_de_voce/918

Fonte: ASSCOM SENAR-RS

Busca

Busque sua notícia por período

De

Até