Notícias

FB
13/06/2022 4º Mosaico do Agronegócio termina com elogios e novas perspectivas de futuro Co-realizadores, Senar-RS e SIA discutem viabilidade de realizar o evento anualmente "Um absoluto sucesso". Foi assim que o presidente do Sistema Farsul, Gedeão Pereira, qualificou a 4ª edição do Mosaico do Agronegócio - encerrado nesta sexta-feira (10), em Gramado, após três dias de intensas atividades no Centro de Convenções do Wish Serrano Resort com palestras e seminários divididos em três áreas temáticas: Pecuária, Lavoura e Pessoas.
   Pereira destacou que esta edição já começou com novidades. Em primeiro lugar, a estreia do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-RS) como co-realizador do evento, ao lado do Serviço de Inteligência no Agronegócio (SIA). Também foi a primeira vez que o Mosaico foi realizado em Gramado, atraindo público recorde.
   "Isso mostra que nosso produtor rural está muito ávido por novas tecnologias, para vislumbrar o que ele pode fazer do seu futuro. E nós tratamos dessa situação nessas três arenas temáticas. Então essa associação do Senar com o Sia resultou em um evento muito bem construído, que pouco se tem corrigir. Ele tem é que se perpetuar", afirmou.
   O painel final do Mosaico tratou do tema "Intensificação e Sustentabilidade", uma grande preocupação do setor. Para colaborar, foram apresentados exemplos de iniciativas bem sucedidas de monetização da sustentabilidade, para que o esforço de cuidar do meio ambiente também recompense o produtor.
   Para a advogada Natália Silva, filha de pecuarista e iniciante do negócio, os conhecimentos adquiridos no Mosaico são valiosos para amparar suas decisões.
   "Convivi muito [no meio rural], mas tenho algumas ideias novas para o negócio. Vim para buscar me atualizar em questões de mercado. Saber o que está sendo feito, como estão gerenciando a criação de gado, as fazendas, as tendências do setor. Então, valeu muito a pena", elogiou.
   O superintendente do Senar-RS, Eduardo Condorelli, elogiou os esforços das equipes do Senar e do SIA para a realização do evento, que teve altíssima qualidade de temas e palestrantes. E confirmou que já começaram as tratativas para que o Mosaico, até então, bianual, seja realizado todos os anos.
   "Verificamos que esse evento, com nossa participação junto o SIA, catapulta sua capacidade de produção. Mas é algo bastante complexo de ser construído. Parece uma coisa simples, mas demanda um trabalho de meses. Porém, efetivamente a associação dessas duas grandes entidades, o SIA, como uma grande empresa de consultoria, um quadro funcional espetacular e o Senar-RS, com toda a estrutura de que dispõe e sua capilaridade no Estado inteiro, acreditamos que há a possibilidade de transformar o Mosaico em uma atividade anual", revelou Condorelli.

Busca

Busque sua notícia por período

De

Até